Filo de Sofia

1.7.08

Já estou de férias e meu ânimo escapuliu, mas logo o encontro – espero.
Enquanto isso, posto meu relatório de Filosofia retocado, cortado e devidamente linkado.

“Waking Life”: um sonho de filme

Lançado em 2001, com direção e roteiro de Richard Linklater (cineasta, escritor norte-americano e também autor do filme “Antes do Amanhecer”), "Waking Life" ganhou três indicações ao Independent Spirit Awards para Melhor Filme, Melhor Diretor e Melhor Roteiro. Também recebeu os prêmios Cinema do Futuro e Lanterna Mágica no Festival de Veneza, mais a indicação ao Prêmio Adoro Cinema de 2002 na categoria Melhor Filme de Animação.
A película trata de um jovem (Wiley Wiggins) que não consegue despertar de seus sonhos, e então, passa a conversar com pessoas do mundo real dentro de um universo onírico.
De calmos filósofos a indivíduos coléricos, personagens comentam sobre filosofia, sociedade, morte e religião.
Feito por rotoscopia – técnica que dá às cenas traços de animação – pode-se dizer que “Waking Life” são dois filmes sobrepostos um no outro. Cada cena foi gravada e refeita por computação gráfica, o que dá ao enredo uma falta de consistência visual e de lógica exatamente como nos sonhos. Durante o tratamento, cada minuto da edição final fez os animadores gastarem quase 250 horas de trabalho.
Os diálogos são variados, rápidos e com leve toque de humor. Baseados nas idéias de Platão, Aristóteles, Nietzsche e Jean-Paul Sartre, lembram o estilo socrático de indagar o conceito para depois aprofundá-lo com idéias inusitadas.
Como num grande devaneio de 97 minutos, muita informação se perde e pouco conteúdo sobra. Entre conversas intensas e psicodélicas, figuras estranhas se dissipam num piscar de olhos.
Dentro de um mundo real à primeira vista, e surreal por outro, Wiley Wiggins questiona: “Estamos feito sonâmbulos quando estamos acordados ou será que estamos conscientes enquanto sonhamos?".
Dessa forma, Richard Linklater inova e transforma como ninguém pedaços de sonho em uma obra de retalhos cinematográfica.
.
.
Aos sedentários e muquiranas como eu, seguem os links para download:


.
E boa pipoca!

6 sinapses:

Tiago Torigoe disse...

Nossa seu blog tá todo estiloso amiga! :P
E o meu continua o mesmo XD

EU assisti Waking LIfe...mó viagem!!!
Eu te recomendo assistir "O Homem Duplo"...É do mesmko estilo desenhado sabe? Tem o Neo do Matrix de ator e talz...e é mó viagem também :P

Beijão sua sumida!
belo post :P
te adoro mto

Jéssica V. Amâncio disse...

aaah,
li sobre esse filme ontem e agora vi no teu blog!
vou ter que ver,depois te conto se gostei
eheheh
:)

ღ mey ♥¨`*•.¸¸.•*´¨♥ღ disse...

hmm que lindo seu blog :) não conheço o filme mas é uma ótima dica ;)

bjs

apulga disse...

(bom, não li, vim dar um comentário rapidinho, um dia eu entro, leio melhor e comento!)

opa! por que a pulga? bom, olha só meu graaaande tamanho! hhehe... a história é que em 2005, quando eu fazia trabalho voluntário no Instituto da Criança do HC com minha amiga que tá no segundo ano da cásper agora (raíra) eu, com todo aquele tamanho, saia pulando nos corredores do hospital pra chamar as crianças pra brincar... bom, logo ela veio me chamando de pulguinha, e ficou. agora, só agora, que tá diminuindo o número de pessoas que me chamam de pulguinha! aliás, a coisa mais estranha é ter pessoas me chamando de "jessica"! =)
explicado? =D

kiss kiss*

Jeh!!

Karina disse...

Bom, aquele dia eu vi uns 10 minutos do filme e achei ótimo!! Se o meu pc colaborasse em fazer downloads mais rápido, talvez eu conseguisse assistir ao resto!Hahaha! Mas adorei o pouco q vi!

Kisses

Murilo disse...

Vou seguir sua dica e assistir, parece ser interessante, gosto muito de filosofia, procuro sempre inserir o conteúdo filosófico também na minha vida profissional!

Até mais!

Bjo